VIETNAME - links úteis

VIETNAME - dicas

HOTEL VIETNAME:

Hotel Ho Chi Minh - Hotel Gemini Saigon - 36€/noite com pequeno almoço

Hotel Hanói - 

Hotel Halong Bay - 

LINKS:

HOTEL GEMINI SAIGON

VIETMAME - FORMAS DE DESLOCAÇÃO:

Taxi, com taxímetro (pedir sempre com "taximeter") ou scooter.

HO CHI MINH - ONDE COMER:

- The Deck Saigon

- La Villa French Restaurant

- May Restaurant

- Monsoon Restaurant & Bar Saigon

- Pizza 4P’s  €€

- Shri Restaurant & Lounge  €€€

- Skewers Restaurant €€

- Cuc Gach Quan  €€

- Quan Bui

HANÓI - ONDE COMER:

- The Hanoi Social Club €€

- Red Bean Restaurant

- The Hung Snake Restaurant (serve cobra)  €€

- Chả Cá Thăng Long   €€

- Home Hanoi Restaurant   €€€

- Pizza 4P's Tràng Tiền   €€

- Bun Cha Ta   

- Duong's Restaurant & Cooking Class   €€

HALONG BAY - ONDE COMER:

- Tuan Huong

- Linh Dan

O QUE VISITAR EM HO CHI MINH:

- Riverboat tour

- Saigon Notre-Dame Cathedral

- Jantar na costa do Rio Saigão

- War Remnants Museum

- Nguyen Hue Walking Street

- Motorbike tour

- New Japan Town

- Beber um cocktial no The View

- Bui Vien Street

- fazer massagens de 1h30 a 7€ 

O QUE VISITAR EM HANÓI:

- Imperial Citadel of Thang Long

- Ho Chi Minh Mausoleum

- Hoan Kiem Lake

- Hanoi Old Quarter

- Dong Xuan Market

- Perfume Pagoda

- Hanoi Opera House

- One Pillar Pagoda

- St. Joseph’s Cathedral

- West Lake

- Hanoi Train Street

O QUE VISITAR EM HALONG BAY:

- Bai Chay market

- Ngoc Vung Beach

- Tuan Chau Beach

- Tiptop Beach

- Ba Trai Dao Beach

- Soi Sim

- Bai Tu Long Bay

- Lan Ha Bay

- Phong Nha-Kẻ Bàng National Park

- Thien Cung Cave

-  Dau Go Cave

- Cua Van

- Vung Vieng

- Cong Dam

- Ba Hang

- Cat Ba Island

VIETNAME - diário de viagem

ABRIL 2012

HO CHI MINH

Chegados a Ho Chi Minh (HCM), dirigimo-nos imediatamente para a paragem do autocarro, para pagarmos 60 cêntimos de dólar até ao bairro que queríamos ir procurar hotel pois ainda não tínhamos marcado quarto! Sim, porque éramos três passageiros a comprar bilhete: eu, o Di e a nossa mala!!! Como a mala ocupava um lugar, o motorista obrigou-nos (de uma forma bastante agressiva) a pagar 20 cêntimos a mais, dinheiro que obviamente meteu ao bolso!
Já a caminho do district 1, backpackers district, pham ngu lao, metemos conversa com uns miúdos que não falavam puto de inglês, nem mesmo o mesmo básico, e foi engraçado ter de comunicar por gestos e expressões!
Quando chegamos ao bairro, o transito era caótico e só se viam cabeças! Brutal! Eu até estava a gostar, mas o Di achou que a cidade era desorganizada, caótica e pouco segura. Começamos a andar e só se viam lojas de tours, cafés, bares, restaurantes, lojas pequenas de comercio e alguns hotéis. Entramos no primeiro e foi onde ficamos. Já tínhamos lido no lonely planet que este era o bairro mais barato e que um quarto custava à volta de 20$/noite. Este hotel tinha quartos para 35, 30, 25 e 20$/noite. Ficamos com o de 25 porque o de 20 era mesmo muito mau e não havia necessidade de sermos tão hardcore... Estamos num quarto com Wi-fi, com wc privado, com papel higiénico, ar condicionado, ventoinha e tv!! Bem bom!
Então, decidimos tomar um banho e fizemo-nos à rua. Hoje o dia serviu para nos informarmos dos preços dos tours, do aluguer de uma moto, procurar relógios patek philippe (Pai, ainda não encontrei nenhum, mas to à procura!), roupa nova para nós (não imaginam o cheiro de toda a nossa roupa!!!) e comer e beber bananas lassi!
Amanha vamos aos túneis de Cu Chi, túneis usados pelos Vietcongs na guerra para se esconderem dos americanos, e de tarde vamos ver o pouco que há para ver na cidade!
Ps: até agora não estamos a gostar de HCM... As pessoas sao antipáticas, burlonas e interesseiras! Parece que não há sossego, todos nos querem burlar!! Até o mais simpático dos Coreanos, que estava hoje sentado na mesa ao nosso lado... Enfim!

 

 

 

 

Ja ca faltava a rubrica do costume (!!) "Faces of..." :)))
Ja percebi o que pensa um asiatico quando chega à Europa, seja ele chines, vietnamita, cambodjano, coreano... "Epa... aqueles gajos sao mesmo parecidos uns com os outros, ha apenas uns mais loiros e de pele mais clara e outros de cabelo preto e de pele ligeiramente mais escura... De resto a estrutura ossea e as feicoes sao as mesmas... Sao todos iguais!!" 
Isto é com toda a certeza o que um chino diz para outro :)
Estes asiomonhés sao completamente diferemtes de um pais para o outro e as diferenças sao consideraveis!! Nada como os portuguesess e os espanhois ou os alemaes e os nordicos que sao iguais!! Vou actualizar umas fotos mal possa para dscobrirem as diferenças! :)
Quanto ã maneira de estar destes tres povos que visitamos, a nossa opiniao pessoal (do ponto de vista do turista que passa apenas alguns dias com eles e que pode interessar a quem viaje nestes modos) é que os tailandeses sao os mais simpaticos e hospitaleiros, os cambodjanos os mais espontaneos mas bem mais interesseiros (parecem mosquitos à nossa volta e a palavra 1 dolar percorre as bocas mais jovens ás boas mais desdentadas) e que os vietnamitas sao antipaticos para os estrangeiros e matreiros (somos uns meninos na arte de desenrascar ao pé deles), excepto quando têm algum negocio ou algum interesse por tras, mas rapidamente a mesma simpatia evapora se ja conseguiram o que queriam... No final do negocio sorris e pensas que estas a ser um gajo porreiro e simpatico por teres ajudado negocio dele e apenas querias sentir alguma simpatia e gratidao mas ele/ela ja nao sabe que tu existes, quer uma proxima vitima! Estes gajos sao matreiros ao maximo e a propria lingua é muito rude, bem diferente do harmonioso tailandes ou do vizinho cambodjano, o que nao ajuda na avaliacao desta gente. Para terem noçao do engenho na arte de enganar o parolo do turista, eles chegam a fazer contrafacçao de hoteis!!! Sim, disse bem! Eles alugam predios e colocam publicidade no exterior igual ànde um hotel conhecido e preparam toda a armadilha com os taxistas no aeroporto a explicarem que o hotel teve um incendio e que mudou de rua e outras coisas mais... No final um grande problema com contas gigantes e quartos horriveis e uma conta para ser paga rodeada de gajos à volta... Isto é só um exemplo... 
Saigão é uma cidade muito intensa onde tudo fervilha e com um modo de vida muito intetessante e nao é justo que so sejam feitos reparos a estas raras situacoes apenas. Os pontos positivos sao a cultura vietnamita, a historia da cidade,a possibilidade de visitar tudo de mota (experiencia unica!!!foi espectacular meter-nos a conduzir no transito caotico a apitar constantemente) a possibilidade de ter contacto de perto com a historia da guerra com os estados unidos sob o ponto de vista do actual regime socialista,a proximdade do Delta do Mekong, a vida nocturna e a cerveja a 0,7 dolares (1/2 litro!!)
Como pontos negativos nomeio a insegurança (novidade nesta viagem) que nao nos permite andar com nada nos bolsos nem com a maquina fotografica ou telemovel na mao (Ho Chi Mihn tem dezenas de roubos por esticao de mota diariamente), a sujidade das ruas e das cozinhas que ja nao nos da a seguranca de bangkok ou siem reap de comer nas ruas, a incapacidade de comunicacao com os vietnamitas (esmagadora maioria nao fala nada de ingles), todas as indicacoes e letreiros estarem em vietnamita dificultando por completo a tarefa de nos deslocarmos ou procurarmos um lugar (as unicas palavras estrangeiras que vimos foi iphone 4S...qualquer coisa.. Unlock e Pasteur, nome de uma rua) e, claro está, quando negoceias um preço,no final vao-te dizer que é sempre mais e que ha extras! Avisaram-nos mal chegamos e sentimos logo isso nas massagens em que queriam que pagassemos muito mais e por exemplo hoje no tour aos tuneis em que andamos a ver em varias agencias e marcamos por 80.000 VND (4$USD) e que afinal o bilhete de entrada nao estava incluido... Custava mais 80.000 VND!!!! Xiça... Que nervos!!!
Depois deste desabafo vou dormir que amanha temos de acordar cedo, vamos ao Delta do Mekong! Espero que estes vietcongs desta vez mostrem mais o seu lado positivo!

Estamos de saída para o Delta do Mekong!! Estamos cheios de curiosidade por ver as vistas e por ouvir as explicações do nosso guia, que vai ser o mesmo dos túneis! Foi por essa razão que marcamos este tour hoje! O fulano é um espectáculo!!! Fala um pouco de inglês, mas desenrasca-se melhor a reproduzir sons e a cantar... Uma espécie versão olhos em bico daquele fulano da academia da policia, o que passava o filme todo só a fazer sons!!! IGUAL!!! Espectacular, minha filha!! (private joke!!)
Vamos ver o que ele nos reservou para hoje...
Logo coloco post a contar.
Saímos agora e voltamos à cidade pelas 6h da tarde.

 

 

HANOI - HALONG BAY

Às 15h chegamos a hanoi e o que vimos foi uma desilusão! Uma cidade ainda mais suja, mais caótica, mais escura, ainda por cima o tempo está mau o que não ajuda... Ou seja, mais do "mesmo Vietname"! No entanto apercebemo-nos que estávamos a ver os arredores e que não tínhamos chegado a entrar no centro... Ufaaaa!!! Que valente susto! A cidade era horrorosa se assim fosse! O Di já estava a dizer que parecia uma cidade indiana... Tudo porco, estradas em terra batida, casas a cair aos pedaços... Bolas!!!! Tirem-me deste filme!!! Os nossos comentários: tragam-me de volta Ho Chi Minh!!!!!!
Decidimos que a melhor opção era ir directamente para halong bay e ficar duas noites lá e passar o ultimo dia em hanoi. Então, metemo-nos num mini-bus só com vietnamitas e um europeu, que viemos a saber que era argeliano e que mora em Paris. O Di adormeceu imediatamente e eu entrei em choque a ver as vistas e a péssima condução do fulano que mais uma vez não falava puto inglês!!!
Para não variar fomos aldrabados porque supostamente deveriam levar-nos até à estacão de autocarros e deixaram-nos nos arredores de hanoi! Só visto! "Ninguém fala inglês e não sabemos onde estamos!" E agora?! Taxi!!! Lá chegamos à estacão e apanhamos o autocarro da carreira! 3h e meia até halong city... Um autocarro merdoso, cheio de locais e a percorrer uma estrada cheia de casas todas partidas, sem nada para ver!
Anoiteceu. Continuamos sem nada para ver. Agora aparecem alguns campos de arroz, mas nada de extraordinário...
Quando passaram as 3 h e meia começamos a ficar impacientes. Tentamos perguntar: "how long to halong bay?" Resposta de sempre para tudo: "OK!" Lol!!! Mas lá havia um vietnamita que dizia umas frases e começou a dizer que ainda faltava 1h!! "Este dia nunca mais acaba?!" entretanto, o fulano lá nos deu algumas dicas para o que nós queríamos fazer e disse-nos que saíamos na próxima paragem. Quando o autocarro parou, saí e os vietnamitas da zona começaram logo a chamar para eu lhes alugar uma mota. Quando olhei para trás, estava o Di e o francês, que entretanto viemos no caminho a conversar, dentro do autocarro, com a porta fechada, com o autocarro prestes a arrancar!!!!!! Eu ia ficar ali sozinha!! Note-se que o "ali" era no meio do nada! Não estávamos perto de halong bay! Só vejo o Di a gritar dentro do autocarro ao motorista a dizer que a mulher estava lá fora sozinha e a chamar por mim (cá fora não se ouvia nada com o barulho das motas!). Lá corri para a porta do autocarro e bati na porta! O motorista lá abriu e dei conta que tinha os joelhos a tremer! Que susto!!!
Lá continuamos a viagem até halong city. De repente, o autocarro pára, no meio de uma via rápida, no meio do nada, onde só estavam 4 homens de mota. Que medo!! :) os sacanas dos gajos já nos deixam ali de propósito! Escusado será dizer que cada mota só leva duas pessoas: o condutor e mais um! Ou seja, tínhamos de ir separados!! Era a nossa única hipótese! Era isso ou ficar ali no meio da escuridão! Lá fomos, sem capacete, a descer uma encosta até halong city: 5 ou 6 km. Eu sempre a olhar para trás e a pedir, sem resultado absolutamente nenhum, para esperar pelo meu marido. Diz ele: "is your husband?" eu: "yes!" ele: "is very handsome!!" eu: gargalhada!!!! Ele: "you are very handsome also!"
Só visto!!!
Lá nos trouxeram "em segurança" até halong bay. Começamos a nossa busca por um hotel e restaurante, sempre com o francês connosco, o Nasser. Jantamos grilled shrimps e fried rice with seafood, num restaurante onde supostamente falavam francês e nos podiam ajudar com os tours para o dia seguinte, passar uma noite num barco. (sim Pai, é praia, bem... Não é bem praia, é um conjunto de ilhas montanhosas. vai ao google e procura halong bay!) não estava lá ninguém que falasse francês. Enfim... "Same same, but different!!" Comemos e fomos procurar hotel. Tudo uma merda! Num, o Di viu uma ratazana a fugir do andar dos quartos... Nem comento!!!
Encontramos um por 34€/noite, num quarto com vista para a baía, onde estamos agora e amanha de manha, às 12h vamos embarcar num pequeno cruzeiro pelas ilhas, com tudo incluído, por 150€ os dois, por uma noite. Depois voltamos para hanoi.
Vamos agora dormir e descansar.

Ps: "Same same but different" era o que o nosso guia, o Mr. Tung, dizia de 2 em 2 minutos!!! ;)

Ok, fomos falar com o tour guide e ele disse-nos que aqui o tempo é mesmo assim, o sol vai e vem e que não iam cancelar a viagem porque acham que o sol ainda vai voltar!
Eu já fiz as minhas rezas e já prometi ao sao Pedro que quando chegasse a Braga ia à casa dos meus pais e ia rezar em frente ao santo... Parece estar a funcionar porque a chuva abrandou e quase já não chove e halong city deixou de estar alagada! Boa!!!! Sao Pedro Rocks!!!!! :)
Resumindo, às 12h vamos sair do hotel e vamos para o barco para passar lá a noite. Neste tour temos tudo incluído, com kayake, com entradas nas grutas, com bebidas a bordo, refeições e uma noite a bordo do barco. Vamos ver se o tempo melhora para que consigamos ver tudo a que temos direito e para tirarmos grandes fotos para vos mostrarmos depois! ;)
Amanha às 12h voltamos a halong city para irmos para hanoi de autocarro, um autocarro melhor do que aquele que viemos!! Pelo menos isso...!!!

 

HANOI

Finalmente chegamos a um sítio com Wi-Fi!!! O tempo passado em Ha Long Bay foi fenomenal (com excepção da manha de ontem...)!!!
Depois das nossas preces ao sao Pedro, que resultaram na perfeição, sempre fomos fazer o cruzeiro às ilhas de Ha Long. O barco era um pouco antigo mas foi uma viagem fabulosa, com boa comida, com óptima companhia, vistas do outro mundo e um quarto com vista para o mar. Era um barco pequeno, com 7 quartos (não imaginem um barco gigante, era só um junk boat - podem procurar imagens no Google).
Entramos no barco às 12h e deram-nos logo de comer. Fomos a uma gruta brutal, a mais conhecida por estes lados e depois fizemos kayake durante 40'!! Foi espectacular!
A seguir a jantar, que nos deram de comer super cedo (6.30!), começamos a jogar às cartas com o pessoal que estava connosco, um casal canadiano, duas miúdas francesas, um casal alemão, um casal inglês, um rapaz inglês, um irlandês e dois senhores ingleses!
Jogamos ao jogo das cartas (social) a beber e a um jogo que aprendemos lá, muito giro. (mãe e pai, depois ensino-vos!)
A seguir, por volta da meia-noite fomos para o terraço do barco ver as estrelas pois o céu entretanto ficou sem nuvens (obrigada sao Pedro!!!) e começamos a tirar fotos uns aos outros a fazer macaquices, com efeitos brutais!! Vamos colocar aqui algumas. Fomos para a cama às 2h da manha!
Entretanto veio a pior parte, para mim pelo menos... Fomos dormir e eu estava a deitar-me e vejo uma barata (das voadoras!) na parede mesmo ao lado da cama!!!!! Escusado será dizer que não dormi nada esta noite! Devem estar a pensar qual é a diferença entre a voadoras e as não voadoras... As voadoras sao grandes, castanhas e vermelhas e, obviamente, têm asas! As outras sao pretas e andam no chão... (sao as que eu tentei comer! Que NOJOOOOOOO!!!!!)
Agora estou com uma dor de cabeça terrível, principalmente depois de ter bebido meia garrafa de whisky (das de 175ml!) a meias com o Di durante o jogo das cartas!
O Di lá matou a barata e deitamo-nos, mas eu não preguei o olho! Estava constantemente a ouvir barulhos e estava escuro como a noite, não via as baratas (se é que eram baratas...) e decidi ir lá para fora, para o terraço, ver o nascer do sol às 5h.
Não vi nada...
O céu estava encoberto de novo, mas vi paisagens fabulosas! Passada 1h voltei para o quarto porque agora já entrava luz pela janela e já podia ver se haviam ou não baratas lá! Lol! Não, não havia. Consegui dormir das 6h até às 7h, hora a que nos chamaram para o pequeno almoço. BOA!!
Durante o pequeno almoço trocamos emails, facebooks e contactos com toda a gente e foram todos para Cat Ba, com excepção de nós os dois e as duas francesas.
Uma delas (Perrine) trabalha cá no Vietname, fala a língua e só tem 18 anos e a outra (Mathilda) trabalha na Alemanha e tem 20! A primeira fala 6 ou 7 línguas!
Vamos a caminho de Hanói com elas e vamos ficar no mesmo hotel, por 11$ por noite e hoje vão-nos levar aos melhores sítios da cidade e à noite vamos sair e provavelmente repetir o serão de ontem! Vai ser giro!!!
Contras destes dias:
Nós pagamos 90$ cada um por 24h no barco, com uma bebida a cada refeição (muito marralhada, porque supostamente era tudo incluído, mas estes caramelos tentam enganar toda a gente!) e todos os outros pagaram 75$ por 24h no barco e mais uma noite em Cat Ba... Estas francesas, que tiveram o mesmo que nós (com excepção das bebidas, que só custam 1,5$ cada), só pagaram 55$........ Nem comento!
Outra coisa que ficamos a saber é que estes fulanos comem gatos e cães... Isto, por motivos óbvios, perturbou-nos IMENSO!!!
Principalmente pela maneira como eles os tratam e os matam... Horrível! Eles não têm amor nenhum pelos animais... É só comida... Só me apetecia chorar... dar-lhes uma valente surra e soltar todos os cães e gatos no Vietname!!!
Dica: se vierem para Ha Long Bay, marquem tudo em Hanói!!! Fica muito mais barato!
Tentem chegar a Ha Long antes do meio dia!! Dessa forma conseguem apanhar o barco para Cat Ba island, uma das ilhas mais bonitas (com praias virgens)! Este barco parte de Ha Long City SÓ (!!!!) às 12h da tarde, uma vez por dia!!
Há um hotel (Éden Hotel) bastante razoável a bom preço, com boas condições (o melhor quarto VIP onde ficamos custou-nos 30$/noite/quarto com pequeno almoço!). Claro que há outros muito mais baratos, a 15$ a noite sem pequeno almoço mas depois de vermos um rato a sair a correr de um deles, desistimos e fomos para o de 30$!!! Se até o rato foge dos quartos e é um rato, eu nunca lá ficaria!!!
Vamos ver como corre Hanói, estamos numa maré de sorte, parece-me! Não quero azarar...

 

As nossas conclusões sobre hanoi são bastante positivas, com uma única grande excepção!
Aspectos positivos primeiro:
As pessoas são extremamente simpáticas, voltamos a ver pessoas a interpelarem-nos na rua, voltou a ser seguro andar na rua, sem medo de sermos assaltados e voltamos a poder comer na rua comidas maravilhosas!
Aspecto negativo:
Esta gente come cães e gatos e segundo a francesa que mora em hanoi, maltratam-nos e matam-nos de forma desumana! Fartamo-nos de ver escrito "Tith Chò" (carne de cão) e "Tith Meò" (carne de gato) em todo o lado... Perturbador!!!
No primeiro dia, mal chegamos, fomos comer um PHÒ (lê-se FÔ), que nós gentilmente apelidamos de "PHÒ...DA-SE"!! É uma espécie de sopa de noodles, com carne, coentros, salsa, hortelã e outras ervas que não reconheci. Uma sopa muito boa! Depois fomos até ao lago que estava muito perto do nosso hotel e que tem um pagoda no meio do lago e era um lago enorme muito bonito, a imitar o japonês com arvores à volta. Transmitia muita calma e serenidade.
À noite, combinamos com as francesas irmos jantar juntos. Nós fomos até ao hotel tomar um banho e elas disseram que iam estar num café ali perto. Quando saímos do hotel, para ir ter com elas, já nos tínhamos esquecido da história dos cães e dos gatos. Chegamos ao café, entramos e reparamos que ali não serviam jantar e como elas não queriam jantar, fomos nós e saímos do café. Mesmo em frente à entrada estava um gato amarelo preso a uma jaula que olhou para nós com aqueles olhos de salvem-me e miava com a patinha no ar como se estivesse a chamar por nós! Eu comecei imediatamente a chorar compulsivamente e o Di fez-se de forte. Afastamo-nos a muito custo, pois não havia nada que pudéssemos fazer! Se o salvássemos, íamos leva-lo dali para fira, largávamos o gato alguns quarteirões mais à frente e ele ia acabar por ser apanhado por outra pessoa e acabava por ter o mesmo destino... É muito triste!! Ficamos muito revoltados e muito impressionados com aquela cena e eu passei o jantar a chorar! Ouvia-se um cão a ladrar e não conseguimos parar de pensar naquilo! Decidimos ir para a cama mal acabamos de jantar.
No dia seguinte, alugamos uma mota e fomos passear pelas ruas de hanoi. Foi super giro e o transito caótico é geral! O Vietname fica oficialmente conhecido pelo seu transito do "ganha quem apitar mais"!!! Hanoi é uma cidade calma (à parte do transito e dos animais), as pessoas sao super simpáticas, sorridentes e curiosas, tem muitos lagos e parques espalhados pela cidade e a comida é maravilhosa! O Old quarter é um must see! Um bairro repleto de lojas que vendem tudo! Desde roupa, a calcado, bolsas, eletrónica, roupa interior, óculos de sol, acessórios e até comida! Perdemo-nos...
Recomendamos hanoi por todos estes aspectos positivos, mas avisamos que devem evitar procurar os cães e os gatos!

IMG_89851
IMG_90301
IMG_90982
IMG_91582
IMG_91682
IMG_91782
IMG_91792
IMG_92092
IMG_92202
IMG_92342
IMG_92592
IMG_9646b
IMG_9645b
IMG_9644b
IMG_9633b
IMG_9629b
IMG_9611b
IMG_9609b
IMG_9606b
IMG_92002
IMG_9605b
IMG_9593b
IMG_9585b
IMG_9580b
IMG_9035b
IMG_9276b
IMG_9303b
IMG_9428b
IMG_9446b
IMG_9497b
IMG_9510b
IMG_9704b
IMG_9705b
IMG_9709b
IMG_9714b
IMG_9719b
IMG_9755b
IMG_9779b
IMG_9791b
IMG_9820b
IMG_9802b
IMG_9799b
IMG_9838b
IMG_9914b
IMG_9873b
IMG_9840b
IMG_9999b
  • Instagram
  • Email
kbnhoodplkockmil.png